a National Gallery é uma das maiores galerias do mundo e possui um acervo, no mínimo, brilhante. veja de perto obras de Van Gogh, Renoir, Michelangelo, Leonardo da Vinci, Turner, Monet e muitos outros. as salas representam cada uma das épocas da história da arte. se você quiser, dá pra passar um dia inteiro dentro da National Gallery, há muito o que ver! há poucos meses os turistas foram liberados para fotografar. isso aconteceu porque os funcionários andavam estressadíssimos por tentar impedir que milhares de fotos fossem batidas, diariamente. agora, você já pode fazer o seu selfie ao lado de…

acredito que grande parte do charme de Londres é resultado de sua diversidade cultural. caminhando pelas ruas e bairros pode-se conhecer e absorver os aromas, ouvir as músicas, observar os costumes, o jeito de ser do londrino e dos imigrantes que aqui vivem. tudo é resultado de uma mistura fascinante de povos, credos, comidas, roupas, arquitetura. você vai se surpreender com a quantidade de diferentes idiomas que escuta diariamente nas ruas, nos restaurantes, nos ônibus, lojas e metros (são mais de 300 diferentes idiomas falados). misture-se à aparente confusão da cidade mais internacional do mundo e surpreenda-se a cada instante!…

nenhuma outra igreja da Grã-Bretanha tem relação tão íntima com os monarcas como esta. a Abadia de Westminster terminou de ser construída no ano de 1050. desde 1066, os reis britânicos são coroados no local. aqui foi celebrada a missa fúnebre da princesa Diana (o corpo está enterrado na propriedade da família em Althorp) e aqui se casaram o príncipe William e Kate Middleton, em 2011. desde 1066, os reis britânicos são coroados no local. na abadia estão enterrados William Shakespeare, Sir Isaac Newton, Charles Darwin e heróis nacionais. missas cantadas pelo coro da abadia, os Evensongs, acontecem diariamente às…

a população de Londres atingiu 8 milhões e 600 mil pessoas. os dados foram divulgados nesta semana. é a maior cidade da Europa e a sexta mais rica do mundo. aqui fala-se mais de 300 idiomas, embora o inglês seja a língua nacional. a impressão é de que o mundo inteiro vive na cidade mais internacional do planeta. mesmo sendo um grande centro urbano, Londres oferece muito verde. não há um bairro sequer, que não possua um parque. só o Hyde Park, por exemplo, possui 142 hectares e fica no centro da cidade.

um dos bairros mais charmosos de Londres é Notting Hill. ficou mais badalado ainda depois do filme do Hugh Grant e da Julia Roberts, que já virou praticamente um clássico e de quem eu roubei o nome para esse post. a livraria do personagem de Hugh Grant foi inspirada em uma bookshop, que fechou em 2011, reabrindo logo depois. fica numa travessa de Portobello Road: 13, Blenheim Crescent. a fama também veio pelo mercado de Portobello Road, que acontece sextas e sábados e onde você encontra de tudo! antiguidades, prataria, roupas, louças, souvenirs. além disso, caminhando até o fim da…

o céu de londres se transforma a todo instante. ele pode mudar do cinza para o azul e vice-versa, em questão de minutos. a cada momento você vê céus completamente diferentes. um mais lindo que o outro. e de cores absolutamente fantásticas, em qualquer época do ano!

você gosta de arte urbana? em Londres os grafites estão espalhadas por toda a cidade, mas em Brick Lane, na região Leste (East), você encontra muitos deles. lá estão grafites de Banksy – o mais famoso artista urbano da Inglaterra – e de muitos outros. aos domingos, a região fica lotada de gente por causa do famoso mercado, com suas barraquinhas que vendem antiguidades, comidas, bijuterias e roupas. a região tem muitos imigrantes de Bangladesh, Índia e Paquistão.  

durante o mês de novembro passado, London foi invadida por 50 estátuas do ursinho Paddington, um dos personagens infantis mais queridos e conhecidos do Reino Unido. a “invasão” aconteceu para o lançamento do filme “As Aventuras de Paddington”, que conta a aventura do ursinho peruano que vem a Londres em busca de um novo lar. crianças – e adultos – amaram!!!

uma das mais importantes esposições em Londres, no momento, é a de J.M.W. Turner, ou Joseph Mallord William Turner. mas corra para ver, pois ela termina no dia 25 de janeiro. nascido em Londres, em 1775, Turner foi um pintor romântico, considerado um dos percurssores do impressionismo, por seus estudos sobre luz e cor. filho de um barbeiro, teve instrução precária, começando a trabalhar como desenhista aos 13 anos de idade. aos 14 ingressou na Royal Academy of Arts. celibatário, dedicou toda a sua vida à pintura. a exposição é imperdível. as fotos das obras do artista aqui publicadas são…